quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Sogrape, Esporão e Crasto antecipam crescimento das vendas em 2012

Vinho
Sónia Santos Pereira
04/10/12 00:05

1 Leitores Online 1 Pageviews Diários


As condições climatéricas atrasaram as vindimas, mas na generalidade
as empresas do sector estão optimistas com a colheita.



Com as vindimas a acabar, as empresas de vinho concentram esforços no
mercado externo.

As condições climatéricas atrasaram as vindimas, mas na generalidade
as empresas do sector estão optimistas com a colheita. A qualidade das
uvas apresenta-se elevada, embora ao nível da quantidade se registe um
pequeno decréscimo face à campanha de 2011. Ainda sem terem concluído
a vindima desta época, as empresas concentram-se, para já, na
perspectiva de subida das vendas para este ano, com as maiores
expectativas nos mercados internacionais.

A Sogrape, a maior empresa portuguesa de vinhos, prevê fechar o ano
com vendas na ordem de 207 milhões de euros, facturação impulsionada
pela aquisição no início deste ano da produtora espanhola Lan. Sem
esse contributo, as vendas da Sogrape deverão registar um crescimento
de 4 a 5% face aos 180 milhões de 2011. Nos primeiros seis meses do
ano, as vendas cresceram 3,5%.

É dos mercados internacionais que chega o maior contributo para essa
performance, como assegura o presidente do maior grupo português do
sector, Salvador Guedes: "O crescimento orgânico vem do exterior". O
mercado interno, garante o empresário, apresenta-se "razoável, muito
em linha com 2011". A Sogrape estima que as exportações representem
mais de 70% das vendas deste ano. Na Europa, os desempenhos estão a
ser na Bélgica, Alemanha, Itália e Suíça, enquanto fora da Europa
destacam-se os Estados Unidos, Canadá, Angola, América do Sul e Ásia.

http://economico.sapo.pt/noticias/sogrape-esporao-e-crasto-antecipam-crescimento-das-vendas-em-2012_153149.html

Sem comentários:

Publicar um comentário