quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Prémio Douro Empreendedor é entregue a 28 de Novembro

11-11-2014 
 

 
Os 15 finalistas ao Prémio Douro Empreendedor, a entregar a 28 de Novembro, em Vila Real, dedicam-se maioritariamente ao enoturismo e vinho, mas também incluem projectos ligados às ervas aromáticas, cosmética e dispositivos de alerta para acidentes.

A segunda edição do prémio, que foi lançado pela Rede EmpreenDouro, será entregue no dia 28 de Novembro, numa cerimónia presidida pelo primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho.

A Rede EmpreenDouro, iniciativa impulsionada pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N), envolve 31 entidades públicas e privadas e pretende apoiar a criação de emprego no território.

Foram entregues 165 candidaturas às quatro categorias deste concurso que quer distinguir e impulsionar a criação de projectos inovadores na região do Douro.  Álvaro Carvalho, vice-presidente da CCDR-N, salientou que esta iniciativa visa divulgar os projectos empresariais que já existem no Douro e serve também como um inventivo à criação de novas empresas. O responsável referiu que, entre os candidatos, se destacam os projectos ligados aos vinhos e enoturismo.

«Está muita gente nova a instalar-se no Douro na aposta do turismo e também tivemos muita procura de gente que quer tirar proveito do rio, ideias novas para o melhor aproveitamento do rio como a verdadeira auto-estrada da região», frisou.

Na categoria empresas com mais de dois anos chegam à reta final a Geodouro – Consultoria e Topografia, a Lavradores de Feitoria, a Casas do Coro, Wine & Soul e Ervas Finas.

Na categoria empresas com menos de dois anos destacam-se a Farma/Inove – Associação para o Empreendedorismo e Inovação da Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto, Sabonetes Aregos – Douro Memories, Hi Tractor, Douro Skin Care e a Activansilanis.

Na secção projectos de turismo internacional encontra-se a Adega Quinta da Faísca, Quinta do Vallado, Quinta Nova Nossa Senhora do Carmo, Vinhos & Tretas e Quinta das Carvalhas.

A vertente criativa Douro Empreendedor, uma novidade na edição deste ano, obteve 101 candidaturas, designadamente 32 vídeos e 69 cartazes. Segundo a organização, o vencedor de cada uma das categorias receberá um prémio monetário de quatro mil euros.

O prémio é uma iniciativa coordenada pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e CCDR-N, cofinanciada pelo "ON.2 - O Novo Norte" (Programa Operacional Regional do Norte) através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, e conta com o patrocínio da EDP.

Fonte: Lusa

Sem comentários:

Publicar um comentário