quinta-feira, 26 de julho de 2012

Incêndios: PS critica discussão de medidas de apoio às populações


Deputado socialista Miguel Freitas

O PS criticou esta quarta-feira a maioria PSD/CDS por recusar o consenso para que fosse discutido um pacote de medidas de apoio financeiro e destinadas à reconstrução de infra-estruturas de populações do Algarve afectadas por fogos florestais.
25 Julho 2012Nº de votos (0) Comentários (0)
  
Em declarações aos jornalistas, o deputado socialista Miguel Freitas acusou a maioria PSD/CDS de ter recusado discutir na Assembleia da República as medidas apresentadas pelo PS de apoio às vítimas dos incêndios florestais nos concelhos de Tavira e São Brás de Alportel.

Entre outras medidas, o PS pretendia que fosse aprovado com carácter de urgência um apoio social, sobretudo destinado a pensionistas com baixas pensões, um programa para a reconstrução de casas destruídas, a execução de um plano de reflorestação e a criação de uma criação interministerial para acelerar a concretização das medidas.
"O PS entendeu que se devia fazer um agendamento urgente na Assembleia da República para discutir essas medidas, mas o PSD e o CDS entenderam que não era uma questão urgente e não permitiram que esta questão fosse discutida hoje, último dia da sessão legislativa no Parlamento. Trata-se de uma atitude de enorme insensibilidade e só demonstra que PSD e CDS ainda não foram ao terreno e não perceberam até agora a enorme aflição em que as pessoas se encontram", acusou o deputado socialista.

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/incendios-ps-critica-discussao-de-medidas-de-apoio-as-populacoes

Sem comentários:

Publicar um comentário