sexta-feira, 27 de julho de 2012

Prejuízos no Douro: ministra deve mudar de ideias, diz autarca de Sabrosa



Publicado hoje às 10:42
O autarca de Sabrosa e o presidente da Casa do Douro esperam que a ministra da Agricultura mude de ideias quanto a quem fica excluído das ajudas aos prejuízos da tempestade de granizo.

Enviar por email   Link

Em declarações à TSF, o autarca de Sabrosa José Marques mostra-se incrédulo com as palavras da ministra
O presidente da Câmara de Sabrosa diz que é preciso ajudar quem de facto precisa até porque a situação é muito grave
O presidente da Câmara da Casa do Douro, Manuel António Santos, contesta os argumentos de Assunção Cristas e considera que as alterações aos seguros não tiveram em conta as dificuldades que os agricultores enfrentam


Assunção Cristas diz que quem não tiver feito seguro de colheita não terá ajuda nos prejuízos causados pela tempestade de granizo que caiu na quarta-feira nos concelhos de Sabrosa e S. João da Pesqueira.
Em entrevista à TVI, a ministra com a pasta da Agricultura, esclareceu que a exclusão decorre de uma questão de justiça.
O presidente da Câmara de Sabrosa, o concelho mais afetado pela violenta queda de granizo, sublinha a ideia de que quem não aderiu ao seguro não o fez porque não pode. José Marques espera por isso que a ministra mude de opinião.
Na mesma linha, a reação do presidente da Câmara da Casa do Douro, Manuel António Santos, diz que se há muito agricultor que não tem qualquer tipo de seguro, porque esse mecanismo não foi adaptado às dificuldades económicas que enfrentam e que se tem vindo a agravar.

http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=2689812

Sem comentários:

Publicar um comentário