quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Agricultura: Governo vai cortar comparticipação estatal aos seguros de colheita

19 de outubro de 2011, 17:10
Madrid, 19 out (Lusa) - O Estado vai deixar de financiar os seguros de
colheita, que têm uma dívida acumulada de 60 milhões de euros, e
passar a recorrer aos apoios comunitários, disse hoje o secretário de
Estado da Agricultura.
José Diogo Albuquerque, que falava após a inauguração do stand da
Portugal Fresh (associação para a internacionalização do setor
hortofrutícola) na feira Fruit Attraction, que se realiza em Madrid
até sexta-feira, disse que o objetivo é "reformular o SIPAC, parar de
criar dívida e recorrer a instrumentos específicos para as frutas e o
vinho.

O Estado gasta atualmente entre 15 a 18 milhões de euros por ano com o
SIPAC, através das bonificações pagas às seguradoras, mas ainda tem
para pagar uma dívida acumulada que remonta a 2007.
http://noticias.sapo.pt/lusa/artigo/13225827.html

Sem comentários:

Publicar um comentário